Um Lamborghini Countach com acabamento em ouro está à venda



Existem alguns carros que são exclusivos e o Lamborghini Countach é um deles. Com pouco mais de 2000 unidades produzidas entre 1974 e 1990, o sucessor do mítico Miura é um dos modelos mais lembrados e cobiçados pelos entusiastas.

Equipado com o mesmo V12 de 4 litros (3929 cm3) de seu predescessor, o Countach inaugurou a era do design em cunha, idealizado por Marcelo Gandini, do estúdio Bertone.

Em 1987 foi lançada a versão 5000 QV, que ampliava a cilindrada para 5167 cm3 (5.2L), trazia quatro válvulas por cilindro (quattrovalvole em italiano) e gerava 420 cv, 45 cv a mais que a versão de 4 litros.

É dessa última que estamos falando. Mas a unidade em questão é ainda mais exclusiva. Somente duas foram fabricadas e deixaram a fábrica da Lamborghini em 1987 com o interior ornamentado com ouro.

 

Ouro?

 

Exatamente, ouro. Na década de 80, se você fosse muito rico, e quisesse mostrar isso, poderia pedir que seu Countach viesse de fábrica com várias peças cobertas com ouro 23 kilates. Dentre elas o painel, a grelha da alavanca de câmbio e o fechamento das portas. A pintura branca e o interior revestido em couro branco ajudavam a dar destaque.

 

 

 

 

 

O exemplar acima foi vendido novo nos Estados Unidos, onde ficou até ser importado para o Japão. Lá foi adquirido por um holandês que o enviou para ser restaurado na Polo Storico, a divisão de restaurações da Lamborghini.

 

Agora ele está à venda e pode ser seu. A RM Sotheby's vai leiloá-lo no dia 27 de Maio de 2017 e espera-se que o valor fique entre € 475.000 e € 575.000. Alguém tem dúvida que ele chegará a esse valor?

© 2017 Guia de Automóveis