Lamborghini Gallardo


Italiano reinventado


Apresentado durante o Salão de Genebra de 2003, o Gallardo foi o primeiro carro da marca italiana a ser equipado com um motor V10. Todos os modelos anteriores eram equipados com motores V12.

Era o modelo de entrada da marca italiana até 2013 quando saiu de linha para a chegada do Huracán.

Projetado antes da aquisição da Lamborghini pela Audi, tomou forma com a concretização do negócio, pois foi possível combinar a bela carroceria criada pelo designer belga Luc Donckerwolke com um chassi de alumínio desenvolvido pelo Audi Aluminium Center em Neckarsulm, Alemanha.

O design marcado por formas angulosas que evidenciam a cabine avançada é herança do seu predecessor, o Diablo, mas as portas se abrem da maneira tradicional. A Lamborghini resolveu disponibilizar as que possuem o movimento em tesoura somente nos carros equipados com motores V12.

Resultado da parceria entre a Lamborghini e a Cosworth Engineering, o Gallardo usa um belo V10 de 5,0 litros com duplo comando de válvulas em cada bancada e ângulo de 90° entre elas. Assim ele pode se beneficiar da menor altura total quando comparado aos que utilizam 72°. A potência gerada fica na casa dos 500 cv a 7.800 rpm e torque máximo de 52 m.kgf a 4.500 rpm, 80% deles já disponíveis a baixos 1.500 giros. A velocidade máxima bate os 309 km/h e a aceleração de 0 a 100 km/h acontece em 4,2 segundos.

Para dar conta dessa força, o câmbio manual de seis marchas possui um sistema chamado E-Gear, que permite efetuar as trocas por meio de borboletas no volante. Além disso disponibiliza ao condutor quatro programas de funcionamento: normal, esportivo, automático e para pisos de baixa aderência. A tração é um caso à parte: é integral permanente mas manda 70% do torque para as rodas traseiras em condições normais de aderência (em acelerações bruscas são 80%). Caso haja perda de tração o sistema identifica e divide a força 50% para cada eixo.

Para maximizar a aderência o Gallardo conta com rodas de alumínio de 19 polegadas calçadas em pneus Pirelli PZero Rosso 235/35 ZR na frente e 295/30 ZR na traseira. Os freios da italiana Brembo têm discos ventilados de 365 mm com pinças de 8 pistões na dianteira e 335mm com pinças de 4 pistões na traseira.

O sistema de exaustão vem equipado com duas válvulas de redução de ruídos que controlam a saída de gases no escapamento deixando o touro italiano bem quietinho em baixas velocidades. A suspensão Koni é do tipo double wishbone (também conhecida como braços sobrepostos) em conjunto com barras estabilizadoras para evitar a rolagem da carroceria. O sistema de controle de estabilidade (ESP) vem calibrado para intervir apenas no limite da aderência, garantindo a diversão daquele motorista mais habilidoso.

O interior é bastante confortável, mesmo para um superesportivo e conta com alguns mimos para os ocupantes: O sistema de ar condicionado dual-zone é de série, bem como a disqueteira para seis cd's. O novo proprietário ainda tinha a opção de incluir um sistema de navegação por satélite com tela de 7 polegadas, rádio, mp3 player e TV integrados. Os bancos, forros de porta e painel de instrumentos receberam acabamento em couro de alta qualidade. O teto e os para-sóis foram revestidos em alcântara e algumas unidades tinham interiores em dois tons. Bolsas infláveis frontais, laterais e do tipo cortina fechavam o pacote.

O Gallardo foi o carro mais produzido da marca, com 14.022 unidades construídas durante os dez anos em que esteve na linha de montagem.
A idéia era a de fazer um carro esportivo que primasse pelo conforto sem deixar de lado as características que tornaram os carros da Lamborghini famosos no mundo todo.

Ficha técnica

Motor: Lamborghini
Cilindrada: 4961 cm³ | 297.66 cu
Cilindros: 10 cilindros em V a 90 graus
Diâmetro x Curso: 84.5 mm x 92.8 mm
Taxa de compressão: 12.5:1
Válvulas: 40 (4 por cilindro)
Potência: 520 cv | 512.68 hp a 7800 rpm
Torque: 51.9 m.kgf a 4500 rpm
Alimentação: aspirado
Posição: longitudinal central traseiro

Câmbio: manual de 6 velocidades
Tração: traseira

Velocidade máxima: 320 km/h
Aceleração de 0 a 100 km/h: 3.9 segundos
Consumo cidade: 4.0 km/l
Consumo estrada: 9.0 km/l

Suspensão dianteira: Double-wishbone (Braços sobrepostos) em alumínio com barra estabilizadora e sistema anti-dive (que previne o afundamento da dianteira)
Suspensão traseira: Double-wishbone (Braços sobrepostos) em alumínio com barra estabilizadora e sistema anti-squat (que previne o afundamento da traseira)

Freios dianteiros: Discos ventilados de 365mm com pinças em liga de alumínio de 8 pistões
Freios traseiros: Discos ventilados de 335mm com pinças em liga de alumínio de 4 pistões
Rodas dianteiras: 19 polegadas
Rodas traseiras: 19 polegadas
Pneus dianteiros: 235/35
Pneus traseiros: 295/30

Tanque de combustível: 90 litros
Porta malas: 110 litros

© 2017 Guia de Automóveis